Portal de Eventos da Faculdades EST, XV Salão de Pesquisa da Faculdades EST

Tamanho da fonte: 
Lutero e a Interpretação do Antigo Testamento
Jeferson Buss

##manager.scheduler.building##: Prédio C
##manager.scheduler.room##: Sala 2
Data: 2016-09-15 04:45  – 05:00
Última alteração: 2016-11-10

Resumo


A tradição cristã tem no Antigo e Novo Testamento os fundamentos de sua fé. As primeiras comunidades cristã compreenderam ao Antigo Testamento na perspectiva da promessa e do cumprimento. Neste contexto o crivo para interpretação sempre foi o Novo Testamento, Jesus. No entanto, com o desenvolvimento das pesquisas no âmbito do Antigo Testamento, cada vez mais cresce a compreensão que o Antigo Testamento quer ser interpretado por ele mesmo. Independente do que possa dizer em relação a Jesus, a primeira parte do cânon cristão tem uma mensagem que lhe é própria. Como herdeiro de toda uma linha de interpretação, também Lutero fez uma leitura cristológica do Antigo Testamento. Contudo, na sua maneira de compreender a primeira parte do cânon cristão avança em relação à prática de seu tempo. Este artigo trata de um escrito de Lutero onde descreve a maneira como os cristãos devem ler Moisés. Trata-se de um trabalho de revisão bibliográfica e tem o objetivo de contribuir na discussão acerca da compreensão e interpretação do Antigo Testamento.