Portal de Eventos da Faculdades EST, III Congresso Internacional da Faculdades EST

Tamanho da fonte: 
Eu e o outro: patologias de fronteira numa leitura a partir da psicanálise e da fenomenologia da Vida
Marina Lucia Tambelli Bangel

##manager.scheduler.building##: Prédio U
##manager.scheduler.room##: Sala 201
Data: 2016-09-15 04:45  – 05:00
Última alteração: 2016-11-10

Resumo


Nas patologias graves na infância, conhecidas como “casos limite”, “patologias de fronteira”, a relação eu-outro  figura como tema central.Tais manifestações frequentemente se expressam de forma ruidosa, num corpo que desborda suas fronteiras e avança sobre as fronteiras do outro na hiperatividade, na compulsão, na violência. O objetivo desta comunicação é abordar, numa leitura a partir da psicanálise e da fenomenologia da vida, os recursos que o psiquismo lança mão nessa tarefa complexa que representa o encontro com o estrangeiro. O estrangeiro dentro de si mesmo e o estrangeiro no outro. O outro, com sua diferença, pode ser fonte de fruição, mas quando as fronteiras do eu encontram-se borradas, torna-se ameaçador e mobiliza reações dramáticas.